BlogduCANA. Teatro, arte, cultura & política: porque tudo isso é necessário.


29/10/2009


Obrigado pela visita...

 

Mas

 

estamos postando no endereço abaixo, clic ali...

 

http://ducana.zip.net/

 

Você também pode ler o Espaço duCANA

impresso no CORREIO DO PAMPA

Escrito por jncanabarro - duCANA às 10h25
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

22/10/2009


Os relógios

 dos pobres!

 

não mais funcionam... Viraram peças de recordações.

Escrito por jncanabarro - duCANA às 02h03
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

21/10/2009


É só um clic +

 

http://ducana.zip.net/

 

... e você estará lendo

 

Espaço du`Cana

 

Clic no site...

Escrito por jncanabarro - duCANA às 13h13
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

18/10/2009


du´Cana

 

tem novo endereço, né?!

 

Aqui na internet é...

http://ducana.zip.net/

 

Na mídia impressa...

 

 

As últimas publicações:

Correio do Pampa III

            Recordações

            A vitória dos buracos

            Eleições paz e amor

Você também é democrático?

Women in art

 

Clic http://ducana.zip.net/ e leia tudo isso.

Escrito por jncanabarro - duCANA às 10h34
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

14/10/2009


Entra lá...

 

Women in art...

"O rosto da mulher através de 500 anos de arte"

Postagem no dia 14/10/2009

 Clic no site abaixo

http://ducana.zip.net/

 

Ao som de "Suite nº 1 para violoncelo de Bach...

Escrito por jncanabarro - duCANA às 16h07
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

13/10/2009


Mudou-se...

 

"Portugal não foi a guerra

mas também não acovardou-se

Taparam Portugal com uma lona

escreveram por cima:

Portugal mudou-se!"

http://ducana.zip.net/

é onde estamos postando. Vai lá...

É tal qual uma lona por cima. Uma mudança sem mudar nada. Só para simplificar!

http://ducana.zip.net/

Escrito por jncanabarro - duCANA às 15h55
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

12/10/2009


Crianças, crianças e crianças

 

12 de outubro 

elas merecem

muitas alegrias...

 

Comer, comer...

 

Brincar, brincar...

 

Sonhar, sonhar...

 

Correr, correr...

 

Fazer carinha...

 

Tomar parte do mundo... E merecer o mundo!

 

Todas elas...

Pena que na realidade haja tanta desigualdade,

até entre as crianças...

Escrito por jncanabarro - duCANA às 15h02
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Correio do Pampa II

 

Edição 271

10 - 12 de outubro de 2009

 

 

Recordações

 

Entrei na Casa de Cultura Ivo Caggiani e na parede há um quadro do Acervo da Pinacoteca Municipal, de autoria do artista plástico Biradan.

 

 

 

Quadro de Biradan

 

 

A chaminé da Cervejaria Gazapina, parte do prédio da fábrica e no lado direito da obra o canal de concreto, que há mais de cinqüenta anos era chamado de pontilhão, servia de passarela aos transeuntes por aqueles terrenos. Foi uma viagem ao passado...

 

Só quem tem mais de meio século de idade lembra da passarela, pois hoje está coberta e passa por cima a rua Hugolino Andrade.

 

 

Rua Hugolino Andrade - Foto duCANA/2009

 

Eleições, qualquer delas

 

 

Vivemos um momento muito importante por estes dias. Ao menos será importante aos que diretamente estarão envolvidos nessa ação. Eleições para a escolha dos novos diretores das escolas públicas do Estado.

 

Parece ser uma coisa tranqüila, colegas de profissão, de local de trabalho, amigos que dedicam-se ao ensino, ao trato da cultura, das ciências, das artes, homens e mulheres que são exemplos aos que se iniciam no caminho do aprendizado, da cidadania, ídolos às vezes dos alunos.

 

Qualquer eleição, até mesmo para a direção de uma escola, é uma atividade política e deveria ser a mais exemplar das atividades políticas. E a boa política não deve ser negada.

 

Mas... Pelo que se constata, esta eleição está tomando proporções (em alguns lugares) gigantescas. Não parece ser uma simples eleição entre colegas. Não parece.

 

E tratando de uma outra eleição, dizia eu a um amigo: - É mais fácil concorrer contra os nossos adversários (ou até mesmo inimigos, se é que os temos) do que concorrer com os próprios companheiros. Do lado de lá eu sei o que espera, deste lado não. E se temos de disputar, disputemos, abertamente, francamente. Não sendo assim, escondendo-se interesses, o uso de métodos não convencionais, depois da vitória, perderá a sociedade envolvida.

 

 

O Teatro de Marise Pereira

 

Tive uma grata surpresa: assisti o “Grupo Faces da Arte” da diretora e professora teatral Marise Pereira, quarta-feira (07) na escola General Neto.

“Era uma vez... João e Maria” – a história que há mais de dois séculos vem encantando crianças e também adultos que se dispõem a sentar diante do palco e deliciar-se com a performance dos atores e atrizes. As crianças igualmente adoraram...

 

 

Foto duCANA

 

Os irmãos Grimm, que compilaram muitas e muitas histórias que eram antigamente contadas oralmente, e publicaram em livros: histórias, contos, fábulas. Essa literatura até hoje, em pleno século XXI, é tema de filmes e principalmente teatro. E as nossas crianças com televisão, computadores, celulares, vídeo games, playstations, ante a magia milenar do teatro, entram na história como se fossem personagens do texto que é vivido ali, na frente de seus olhos... Isso comprova a importância do teatro, o sentimento e a emoção que desperta, essa arte insubstituível. Que haja tudo, mas que tenhamos sempre o teatro vivo.

 

 

Foto duCANA

 

A concepção cênica e a direção do espetáculo tiveram a assinatura de Marise Pereira. O elenco formado por Cleber Machado – o lenhador; Suelen Barbosa – a madrasta/bruxa; Simone Torres – a Mariazinha  e  Gerlen Bueno – o Joãozinho. Todos eles, representaram, cantaram, dançaram e encantaram.

 Teatro sempre vai valer a pena.

 

 

P.S.: Atenção...

 

Amanhã estarei postando no

 

http://ducana.zip.net/

 

bem simples, né... ducana.zip.net/

Escrito por jncanabarro - duCANA às 12h46
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

11/10/2009


Qual a sua opinião?

 

A imprensa brasileira é confiável?

É isenta?

Cumpre o seu papel?

Merece ser premiada?

 

.

.

"Com o tempo,

uma imprensa cínica,

mercenária,

demagógica e corrupta

formará um público tão vil como ela mesma."

.

                                       (Joseph Pulitzer)

Escrito por jncanabarro - duCANA às 01h04
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Para os de direita não ler...

 

E alguns de esquerda

sentir um pouco de vergonha.

 

 

MST despejados de acampamentos no RS/2009

 

 

Mais uma vez a grande mídia criminaliza os movimentos sociais

 

Como em todos os períodos da história desse país, a grande mídia sempre criminalizou os movimentos sociais. Não irei citar nem os episódios da época da ditadura, mas alguns dos mais recentes: Casa das Pombas, Movimento dos Trabalhadores Sem Teto, Movimento Passe Livre e Movimento de Resistência Fora Noroeste. Claro, não poderíamos deixar de esquecer o Movimento dos Sem Terra, figurinha carimbada que sempre foi a escória da grande imprensa. Mais uma vez, o MST é alvo de bombardeio e linchamento dos jornalões. Critérios de noticiabilidade? Isso é conto da carochinha. O que vemos é uma verdadeira manipulação dos fatos e imagens. Mas agora esse caso do MST apresenta um motivo especial: abrir os flancos para bater no governo. Tudo em nome das eleições, sempre ela. Não bastou a criação da CPI da Petrobras, que por sinal está sendo um fracasso, agora querem criar a CPI do MST. E dessa vez o troféu jornalismo derrota vai para o Jornal Nacional. Abaixo, segue o excelente texto do cineasta e blogueiro, Mauricio Caleiro que mata a pau esse episódio que envolve o MST.

——–

MST e laranjas


O MST é detestado por todos: da direita ruralista à esquerda chavista, passando por tucanos, petistas, psolentos, verdes, azuis e amarelos. Mesmo os que fingem apoiar o MST o detestam.

.

 

.
O MST é o espelho que reflete o que não queremos ver.

.

Há duas questões, na vida nacional, que contradizem qualquer discurso político da boca pra fora e revelam qual é, mesmo, de verdade, a tendência ideológica de cada um de nós, brasileiros: a violência urbana e o MST. Diante deles, aqueles que até ontem pareciam ser os mais democráticos e politicamente esclarecidos passam a defender que se toque fogo nas favelas, que se mate de vez esse bando de baderneiros do campo, PORRA, CARAJO, MIERDA, MALDITOS DIREITOS HUMANOS!

.

Isso porque há uma antipatia ancestral e inata contra o MST, esse arquétipo de nosso inconsciente coletivo, esse cancro irremovível que insiste em nos lembrar, mesmo nos períodos de bonança, que fomos o último país do mundo a abolir a escravidão e continuamos sendo uma porcaria de nação que jamais fez a reforma agrária.

 

O MST nos faz atentar para o fato de que em cada um de nós há um Esteban de A Casa dos Espíritos; há o ditador, cuja existência atravessa os séculos, de que nos fala Gabriel García Márquez em O Outono do Patriarca; há os traços irremovíveis de nossa patriarcalidade latinoamericana, que indistingue sexo, raça, faixa etária ou classe social:

.

 

O MST é o negro amarrado no tronco, que chicoteamos com prazer e volúpia.

.

 

O MST é Canudos redivivo e atomizado em pleno século XXI.

.

 

O MST é a Geni da música do Chico Buarque – boa pra apanhar, feita pra cuspir – com a diferença de que, para frustração de nossa maledicência, jamais se deita com o comandante do zeppelin gigante.

.

 

E, acima de tudo, O MST é um assassino de laranjas!

.

 

E ainda que as laranjas fossem transgênicas, corporativas, grilheiras, estivessem podres, com fungos, corrimento, caspa e mau hálito, eles têm de pagar pela chacina cítrica! Chega de impunidade! Como o João Dória Jr., cansei!

.

Joro pungente

.

Afinal, foi tudo registrado em imagens – e imagens, como sabemos, não mentem. Estas, por sua vez, foram exibidas numa reportagem pungente do Jornal Nacional – mais um grande momento da mídia brasileira -, merecedora, no mínimo, do prêmio Pulitzer. Categoria: manipulação jornalística. Fátima Bernardes fez aquela cara de dominatrix indignada; seu marido soergueu uma das sobrancelhas por sob a mecha branca e, além dos litros de secreção vaginal a inundar calcinhas em pleno sofá da sala, o gesto trouxe à tona a verdade inextricável: os “agentes“ do MST são um bando de bárbaros.

.

(Para quem não viu a reportagem, informo,a bem da verdade, que ela cumpriu à risca as regras do bom jornalismo: após uns dez minutos de imagens e depoimentos acusando o MST, Fátima leu, com cara de quem comeu jiló com banana verde, uma nota de 10 segundos do MST. Isso se chama, em globalês, ouvir o outro lado.)

.

Desde então, setores da própria esquerda cobram do MST sensatez, inteligência, que não dirija seu exército nuclear assassino contra os pobres pés de laranja indefesos justo agora, que os ruralistas tentam instalar, pela 3ª vez, como se as leis fossem uma questão de tanto bate até que fura, uma CPI contra o movimento (afinal, é preciso investigar porque o governo “dá” R$155 milhões a “entidades ligadas ao MST”, mesmo que ninguém nunca venha a público esclarecer como obteve tal informação, como chegou a esse número, que entidades são essas nem qual o grau de sua ligação com o MST: O Incra, por exemplo, está nessa lista como ligado ao MST?).

.

A insensatez dos miseráveis

.

Ora, o MST é um movimento social nascido da miséria, da necessidade e do desespero. Eles estão em plena luta contra uma estrutura agrária arcaica e concentradora. Não se pode esperar sensatez de movimentos sociais da base da pirâmide social, que lutam por um direito básico do ser humano. Pelo contrário: é justamente a insensatez, a ousadia, a coragem de desafiar convenções que faz do MST um dos únicos movimentos sociais de fato transgressores na história brasileira. Pois quem só protesta de acordo com os termos determinados pelo Poder não está protestando de fato, mas sendo manipulado. Se os perigosos agentes vermelhos do MST tivessem sensatez, vestiriam um terno e iriam para o Congresso fazer conchavos, não ficariam duelando com moinhos de vento, digo, pés de laranja.

.

Mas é justamente por isso que o MST incomoda a tantos: ele, ao contrário de nós, ousa desafiar as convenções: ele é o membro rebelde de nossa sociedade que transgride o tabu e destroi o totem. Portanto, para restituição da ordem capitalista/patriarcal e para aplacar nossa inveja reprimida, ele tem de ser punido. Ele é o outro.

.

Quantos de nós já se perguntaram como é viver sob lonas e gravetos – em condições piores do que nas piores favelas -, à beira das estradas, em lugares ermos e remotos, sujeito a ataques noturnos repentinos dos tanto que os detestam? Quantos já permaneceram num acampamento do MST por mais do que um dia, observando o que comem (e, sobretudo, o que deixam de comer), o que lhes falta, como são suas condições de vida?

.

Poucos, muito poucos, não é mesmo? Até porque nem a sobrancelha erótica do Bonner nem o olhar-chicote da Fátima jamais se interessaram pelo desespero das mães procurando, aos gritos, pelos filhos enquanto o acampamento arde em fogo às 3 da madrugada, nem pelas crianças de 3,4 anos que amanhecem coberta de hematomas dos chutes desferidos pelos jagunços invasores, ao lado do corpo de seus pais, assassinados covardemente pelas costas e cujo sangue avermelha o rio.

.

Para estes, resta, desde sempre, a mesma cova ancestral, com palmos medidas, como a parte que lhes cabe neste latifúndio.

.

Para a mídia, pés de laranja valem mais do que a vida humana, quero dizer, a vida subumana de um miserável que cometeu a ousadia suprema de lutar para reverter sua situação.

.

Mas os bárbaros, claro está, são o MST.

.

Por isso, haja o que houver, o MST é o culpado.

.

.

Poste copiado do blog: boimatenews.wordpress.com

 

Escrito por jncanabarro - duCANA às 23h54
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

09/10/2009


Prêmio NOBEL

 

 

O presidente americano ganhou o Prêmio Nobel da Paz. Deve ser porque ele não começou nenhuma guerra nova em oito meses de governo.

 

É verdade, Joel. Mas também não acabou com nenhuma das que estão envolvidos os EEUU.

 

Candidato

.

Em seu quadro na CBN, o informadíssimo jornalista Merval Pereira conversa agora com o mais informadíssimo ainda Carlos Alberto Sardenberg. Os dois estão espantados com o prêmio do Obama. Merval especula que ele nem era candidato, deve ter sido coisa da cabeça dos membros do comitê do prêmio.

.

Dez segundos de pesquisa na internet me esclarecem: Obama era um dos 205 candidatos, mas não era apontado como favorito.



Escrito por Joel Bueno

 

 

 

Pois olha, eu estava torcendo pelo nosso presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Não pesquisei na internet para sabê-lo candidato. Mas ouvi dizer que entre os julgadores que indicam o prêmio, todos são profundamente ecologistas e preocupados com a flora e a fauna do planeta. Laurear o “molusco” seria um tsunami pra cima da espécie da família Ramphastidae. Seria como joga-los direto para o grupo das espécies em extinção. Depois da Olimpíada Rio2016 eles prederam o rumo...

.

.

 

P.S.: O texto branco foi tirado do blog http://joelbueno.blog.uol.com.br/ Conheci hoje o blog do Joel Bueno. Pelo pito que toca, não desafinaremos se tocarmos juntos.

 

Escrito por jncanabarro - duCANA às 15h42
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Teatro da Marise Pereira

 

Era uma vez... João e Maria.

Irmãos Grimm

Um conto que há mais de 2 séculos encanta leitores e platéias do mundo todo.

 

A obra está nos palcos santaneses com a concepção cênica e direção da profª Marise Pereira.

 

Gerlen Bueno e Simone Torres - João e Maria

 

A professora Marise Pereira dedica grande parte de sua vida ao teatro. É oficineira, diretora, figurinista, cenógrafa. Quando o grupo se apresenta ela faz a técnica. Conheço-a desde 1999, quando trabalhamos juntos na 19ª CRE - Governo Olívio Dutra. Naquela época ela já tinha essa afinidade com as artes cênicas. Escrevemos a quatro mãos a peça "A construção". Ela também foi atriz nesse espetáculo e percorremos uma boa parte deste Riogrande, por ocasião da Constituinte Escolar. Não só por isso, podemos dizer: Marise Pereira é teatreira.

 

As crianças (alunos e alunas do General Neto) ligaram-se ao espetáculo o tempo todo. Com todo o modernismo, esta arte milenar continua despertando emoções...

 

Completam o elenco a atriz Suelen Barbosa e o ator Cleber Machado.

 

Depois do espetáculo as emoções continuam. Os atores/atrizes convidam as crianças ao palco para vestir os personagens. Eles entram na brincadeira.

 

Mais sobre este espetáculo, amanhã - sábado (10) no Correio do Pampa - impresso.

 

Espaço du´Cana

Leia o Correio do Pampa - amanhã nas bancas.

Ou faça a assinatura e receba o jornal em casa.

Escrito por jncanabarro - duCANA às 14h32
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Tô morrendo de peninha

 

Olimpíada, Honduras…
Urubuzada perde o rumo
.
.

Entre dossiês, tempestades em copos d`água e contos da carochinha

a tucanada viaja na maionese...

.

.
Do blog Balaio do Kotscho:



O Lula vai quebrar a cara em Honduras! Vai correr sangue nas ruas de Tegucigalpa e ele será o culpado! O Lula vai tomar uma surra do Obama em Copenhague! Vai dar Chicago! Agora a popularidade do Lula vai despencar!


Pois é, amigos, foi uma atrás da outra. A urubuzada (nada a ver com a grande torcida do Flamengo, por favor!) jogou contra e perdeu todas, perdeu o rumo. Vocês já repararam? A oposição simplesmente sumiu de cena.


Em 2009, a turma do contra, representada por aqueles célebres 6% que reprovam o governo Lula, começou jogando tudo na crise econômica mundial, que quebraria o Brasil. O Brasil não só não quebrou como saiu da crise mais forte do que entrou.

Já nem me lembro de todas as crises do fim do mundo anunciadas durante o ano, mas tivemos depois a dengue, a crise do Senado, a gripe suína, a história da Lina, a CPI da Petrobrás, o diabo a quatro. E nada do Lula cair nas pesquisas.

A palavra crise não saía das manchetes, e nada. Quando a crise não era aqui, era em Honduras _ por culpa da política externa do governo brasileiro, claro. Agora que as coisas estão se acalmando por lá e tudo indica uma saída negociada com os golpistas devolvendo a Presidência a Manuel Zelaya, a urubuzada já está recolhendo os flaps.

Com a vitória do Rio para sediar a Olimpíada 2016 transmitida ao vivo de Copenhague, não teve jeito de esconder o importante papel do presidente Lula nesta conquista. Os 6% de inconformados e seus bravos representantes na imprensa e no parlamento devem ter entrado em profunda depressão. Por isso, sumiram _ pelo menos, por algum tempo.

Restam apenas alguns blogueiros histéricos e seus comentaristas amestrados blasfemando na janela, vendo as ruas em festa, os bares lotados em dia de semana, a indústria, a bolsa, o emprego e a renda crescendo novamente, a autoestima do brasileiro lá em cima, a vida seguindo alegre seu rumo.

Claro que sempre será possível fazer escândalo com qualquer coisa, como esta crise do Enem, uma história até agora muito mal contada, que vai atrasar a data dos vestibulares. E daí? Fora os candidatos e professores que irão perder alguns dias de férias, qual o drama para o restante dos brasileiros?
.
.
.
E aqui na terrinha (Livramento), no programa "contra coisa nenhuma", a uma só voz, a exaltação do modo tucano de governar, do melhor governo dos últimos 40 anos deste Riogrande, segundo dizem eles. Perguntei, diante de tão brilhante administração, como explicar as pesquisas, a rejeição a governadora, a descrença da população a esse governo???
.
Atribuiram o resultado das pesquisas a competência da oposição fazendo críticas ao governo Yeda. E a oposição não inventou nada.
.
Esses tucanos são especialistas: inventam um mau governo ao Lula, e o Lula não cai nas pesquisas. Inventam um bom governo a Yeda, e a Yeda despenca na pesquisa.
.
Como não perder o rumo?!
.
Nem mesmo crises verdadeiras podem salvar essa urubuzada atucanada...
.
.

.

.

Que a governadora descanse na almofadinha, comprada com dinheiro do contribuinte, e reflita: vai entrar para história. Com certeza não deixaremos o povo esquecer nunca desse desgoverno tucano. 

Escrito por jncanabarro - duCANA às 11h46
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

07/10/2009


Terra produtiva - alimento para o mundo

 

 

Portinari

 

MST afirma:

Derrubou lavoura de laranja

Para denunciar grilagem

 

Agência Brasil

 

São Paulo - O presidente do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), Rolf Hackbar, condenou a invasão da fazenda. Segundo ele, “este tipo de ação não contribui para a resolução dos conflitos fundiários e para o avanço da reforma agrária no país”.

 

Isso é um lado da história. E quem se importa com o outro lado?

 

O Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) afirmou ontem (6), por meio de nota, que derrubou parte da lavoura de laranja da empresa Cutrale, em Borebi (SP), para denunciar a suposta grilagem de terras públicas.

“A produtividade da área não pode esconder que a Cutrale grilou terras públicas, que estão sendo utilizadas de forma ilegal, sendo que, neste caso, a laranja é o símbolo da irregularidade. A derrubada dos pés de laranja pretende questionar a grilagem de terras públicas”. A fazenda, localizada a 300 quilômetros da capital paulista, foi tomada por cerca de 350 famílias, no último dia 27.
(Lembremo-nos também da Fazenda Tarumã – comprada por “laranjas” a serviço da papeleira internacional – Stora Enso -  de forma ilegal, contrariando a lei brasileira. Empresas estrangeiras para se estabelecer no país precisam preencher vários requisitos e a papeleira burlou esse requisitos. O MST e as mulheres da via campesinas denunciaram isso).


O MST também acusa a Cutrale de formação de cartel na produção de sucos e de despejos de esgotos sem tratamento em diversos rios da região. “A empresa também já foi autuada inúmeras vezes por causar impactos ao ecossistema, poluindo o meio ambiente ao despejar esgoto sem tratamento em diversos rios. No entanto, nenhuma atitude foi tomada em relação a esta questão”, afirma a nota.

Apesar do movimento ter recebido um aviso de liminar da Justiça para a desocupação da área, as famílias pretendem permanecer na fazenda até que seja marcada uma reunião com o superintendente do Incra. No encontro, o movimento deverá exigir que as terras griladas sejam destinadas para a Reforma Agrária.

.

.

 

P.S.: Quem conhece a história da distribuição de terras no Brasil? Quem comandou os assassinatos dos índios das "Missões" e nas mãos de quem ficaram aquelas terras? E as outras terras, como chegaram as mãos dos atuais latifundiários? Que resultado fundiário resultou a Revolução Farroupilha? Quem venceu e quem perdeu? Por quem lutavam chimangos e maragatos? Quem governava na época das "degolas"? As sesmarias? Quem faz a história? Quanto tempo para mudar a história? Quem são os donos e porque são donos?

.

.

 

Elton... Tiveste a terra que te coube neste latifúndio.

.

 

Segundo o "ponto a ponto" porque tinha um lado só, na voz do radialista e do ruralista - laranjeiras valem tanto quanto Eltons...

.

 

"Parem com a reforma agrária..." - gritavam os deuses do Olimpo.

Escrito por jncanabarro - duCANA às 11h00
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

06/10/2009


Aquecimento global

 

LULA pede participação de todos os países

em conferência sobre clima.

.

.

 

BRUXELAS, 6 OUT (ANSA) - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva destacou a necessidade de "todos os países" participarem da Conferência da Organização das Nações Unidas (ONU) sobre mudança climática, prevista para ocorrer em dezembro na capital da Dinamarca, Copenhague.

 
De acordo com o mandatário brasileiro, "todos os países devem ir a Copenhague" e assumir responsabilidades precisas para conter as emissões de gases causadores do efeito estufa. 


Em uma coletiva de imprensa ao lado do primeiro-ministro sueco, Fredrik Reinfeldt, e do presidente da Comissão Europeia, José Manuel Durão Barrroso, o petista comentou que uma grande "participação de líderes" seria muito positiva para o resultado da conferência.

 
Lula fez as declarações em Estocolmo, na Suécia, onde participou da III Cúpula Brasil-União Europeia, evento que, entre outras coisas, discutiu o aquecimento global.


Segundo o presidente, o Brasil chegará em Copenhague com o objetivo de conter em 80%, até 2020, o desmatamento nas florestas do país. Cálculos da União Europeia apontam que o desmatamento mundial é responsável pela liberação de cerca de 30% dos gases do efeito estufa.


O mandatário brasileiro defendeu ainda que é preciso deixar de discutir a questão de forma "genérica", e que "todos devem fazer sua parte: do pequeno país sul-africano aos Estados Unidos".


Reinfeldt e Barroso demonstraram apreço pelo empenho do Brasil na causa, definindo a nação "como um exemplo para os outros países emergentes". 


Lula deve voltar ainda hoje para Brasília, após ter um encontro privado com o premier sueco e participar de um jantar oferecido pelo rei da Suécia, Carl Gustaf, e pela Rainha Silvia. (ANSA)

.

.

 

Nota do blog

.

.

 

Eu sempre criticava o FHC pelas inúmeras viagens presidenciais. Eu e muitas outras pessoas. Num programa humorístico nacional, chamavam-no "Fernando sempre viajando Cardoso". Lula também foi muito criticado por esse programa, piadas e mais piadas, principalmente depois que ele, o Lula, comprou um avião para as viagens presidenciais. Lula até agora, viajou muito, mas muito mais do que FHC viajou nos seus dois mandatos, e Lula ainda tem mais um ano de mandato. Querem traçar um paralelo entre os feitos das viagens dos dois presidentes?

.

 

Se o andar da carruagem continuar nesse ritmo, o nosso viajado presidente não só será chamado de "O Cara", pousar ao lado da "Rainha", como se tornará (se já não o é) um dos políticos mais influentes em todo o mundo.

.

 

Na minha modéstia condição de blogueiro tupiniquim, arrisco-me a dizer: O presidente operário do "Meu Brasil Brasileiro", Lula se torna candidato ao "Nobel"... Viajado ele é, mesmo sem falar ingles. Com aprovação de mais de 70% de seu povo.

.

.

 

P.S.: Nós não temos 70% dos brasileiros recebendo do "bolsa família", né?!

 

Escrito por jncanabarro - duCANA às 21h55
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

05/10/2009


Preocupações jamais tidas...

 

Visitando o Kayser

e postando-o aqui.

 

Clic sobre o texto em azul

 

Curiosa a súbita preocupação de algumas pessoas com os Jogos Olímpicos Rio 2016. Uma preocupação que essas pessoas jamais tiveram quando pleitearam incentivos fiscais para atrair indústrias multinacionais ou recursos públicos para salvar empresas nacionais falidas. Naquelas ocasiões, certamente, não faltavam recursos para a educação.

Escrito por jncanabarro - duCANA às 10h01
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

04/10/2009


Estréia no Correio do Pampa

 

Edição 270

03 de outubro de 2009

 

 

Recordações

 

Os jovens querem viver suas vidas e lhes dizemos:

Vivam, vivam, vivam…

 

Depois de muitas primaveras e verões dos anos, lembrar da juventude é um privilégio, como escreveu Mario Benedetti. “La infancia es un privilegio de la vejez. No sé por qué la recuerdo actualmente con más claridad que nunca.”

 

E não consigo ler Benedetti e deitar o olhar sobre suas fotos sem marejar os olhos.

 

Aqui estou com os meus 61 anos, rodeado de muitos jovens jovens, que de experiência, o ar que respiram... E nem tantos olhos, e nem tantos ouvidos...

 

Às vezes parece que não nos enxergam, e com certeza, muitas vezes não nos ouvem.

 

Dedico as palavras que seguem, de Mario Benedetti, que mal traduzi, aos meus alunos do teatro. E, de sobra, aos amigos leitores do Correio do Pampa.

 

Sobre a ausência

.

Mario benedetti

Escritor uruguaio

Nasceu em 14 de setembro de 1920 - Paso de los Toros

Faleceu em 17 de maio de 2009 - Montevideo

 

“Deixo-te com tua vida, teu trabalho, tua gente, com teus por de sois e teus amanheceres. Semeando tuas confianças, te deixo junto ao mundo, derrotando o impossível, segura sem seguro (...) Porém, tão pouco creias de pés juntos em tudo. Não creias, nunca acredites, neste falso abandono. Estarei onde menos esperas. Por exemplo, em baixo de uma velha árvore de sombreados movimentos. Estarei em um distante horizonte sem marcar o tempo, nas pegadas da tua presença, em tua sombra e na minha sombra (...)”

 

Mario Benedetti

 

 

Agradecimento

 

Dos sonhos da juventude, dos meus primeiros poemas, meus incipientes textos dramáticos, carregavam uma vontade, ser publicados. Num livro, jornal... Tive minhas realizações: publiquei dois livros, premiei vários textos teatrais, sou membro da Academia Santanense de Letras, já representei no cinema (por último num projeto em andamento: Contos gauchescos - Simões Lopes Neto nas telas – projeto da Cinematográfica Pampeana, dirigido por Henrique de Freitas Lima).

.

.

 

JN Canabarro e Leonardo Machado

Juca Picumã e Blau Nunes

Contos Gauchescos - Simões Lopes Neto nas telas.

"Os cabelos da china"

.

 

A propósito: Leonardo Machado foi vencedor do Kikito de Melhor Ator no 37º Fertival de Cinema de Gramado, pela sua participação no filme: "EM TEU NOME".

 

Sempre gostei de escrever, não só para o teatro, mas principalmente para o teatro. E agora, com o advento da internet, dediquei-me a escrever para um blog “ducana.zip.net/”, mas a responsabilidade do pensamento impresso em um jornal, depois de mais de vinte anos, volto a fazer. Convidado pela ex-aluna, hoje diretora do Correio do Pampa, minha amiga Rosana Altamiranda orgulha-me essa nova empreitada.

 

 

Desculpas

 

Já formatei a idéia do espaço que ocuparei neste semanário, mas ainda está fermentando o que deverá ser abordado, o que levar aos leitores e assinantes do Correio do Pampa.

 

Quem sou?

 

Sou um homem de teatro, às vezes político, sindicalista e professor aposentado. Mas sobre tudo, considero-me “um cidadão do mundo”, que com facilidade apaixona-se por buracos, irrita-se quando cai dentro de alguns outros e não se deixa levar por tagarelices, fanfarronices e pouco caso com o bem estar social. Se não for para a evolução da humanidade, só para garantir a permanência de poucos, não contem comigo. Canto apenas quando vejo, nos olhos dos que me rodeiam, a esperança.

 

Obrigado Correio do Pampa... Na próxima semana não falarei de mim, senão da minha obra, e do que todos estamos fazendo da nossa estada nessa globosfera.

 

 

 

 

Não esqueça:

 

13 de outubro

 

passarei a postar no

 

http://ducana.zip.net/

 

 

 

Leia também o Correio do Pampa.

Escrito por jncanabarro - duCANA às 16h02
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Mercedes embalou nossa militância...

 

E será eterna em nossa lembrança.

Que em paz

descanse,

companheira...

 

.

.

Morreu neste domingo (4 de outubro/2009), aos 74 anos, em Buenos Aires, a lendária cantora argentina Mercedes Sosa, intérprete de um dos grandes hits dos anos 70, Gracias a la Vida, que embalou os movimentos de esquerda na América Latina. No Brasil, a cantora teve grande sucesso e gravou com nomes como Cio da Terra, com Milton Nascimento, e Años, com Fagner, entre outros.

Na sexta-feira (2), um sacerdote a visitou para ministrar o sacramento da extrema unção. O estado de saúde de Sosa era acompanhado por numerosos artistas, incluindo alguns que a visitaram no hospital, e por fãs, que encheram de mensagens o site oficial da cantora.

Um dos últimos reconhecimentos que Mercedes recebeu foram três indicações para o Grammy Latino 2009 pelo álbum Cantora 1, que reúne duetos dela com vários artistas. O anúncio do vencedor será realizado no dia 5 de novembro em Las Vegas, mas o resultado da vida de Mercedes já é conhecido desde há muito tempo: La Negra iluminou com sua voz alguns dos tempos mais escuros que a América Latina já experimentou.
.
.
Mercedes Sosa - La Negra

Tucumán, 9 de julho de 1935 - Buenos Aires, 4 de outubro de 2009

Escrito por jncanabarro - duCANA às 14h21
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

03/10/2009


Quem mais chorou com Lula?

 

Quem criticou o presidente por chorar? 

 

Obrigado presidente pela sua emoção... Também é a minha.

 

Bem-vinda as lágrimas

Escrito por jncanabarro - duCANA às 18h48
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

02/10/2009


As previsibilidades das publicações jornalísticas da imprensa brasileira

 

Nem precisa ser adivinho...

para se antecipar manchetes e reportagens.

A escola do fazer jornalismo deles é a mesma,

do Iapoque ao Chuí...

E os patrões também.

O perfil ideológico.

 

Leia o texto transladado lá do "Cloaca News" - linkado nos "Outros Sites" - esta postagem de ontem...

 

A foto da matéria era outra, ducana escolheu esta

para publicar aqui no seu blog.

 

Durante boa parte do dia de ontem, a versão digital de Zero Hora manteve em sua capa esta inacreditável enquete, ao lado da reportagem de Rodrigo Lopes, enviado especial do tablóide a Honduras : "Você acha que o que aconteceu em Honduras foi um golpe? Deixe a sua opinião. Ela poderá ser publicada em reportagem de Zero Hora".
Se tomarmos como exemplo
esta densa reportagem produzida por Lopes, também disponível em vídeo no blog do jornalista, não é difícil imaginar o tipo de "opinião" que prevalece no "mural". Aliás, devemos todos agradecer a Rodrigo Lopes - e a seus editores - por ter nos brindado com a profundidade da análise política feita pelo vendedor de ferramentas de Gramado sobre os desdobramentos da crise institucional hondurenha. Decerto, não haveria, em toda a América Central, observador mais avalizado e facundo para nos ajudar a ter uma "opinião" formada sobre o momento "delicado" por que passa aquele país.
Hoje, na edição impressa, enquanto nos traz
estes importantíssimos relatos sobre as últimas 24 horas em Tegucigalpa, o destemido enviado especial estará cumprindo a ordem criptografada que recebeu de sua chefia, em Porto Alegre: "busca en los basureros alrededor de la embajada, chico".
A manchete de domingo já está prontinha: "Diários secretos de Zelaya revelam estratégia golpista de Chavez". E o sub-título: "Manuscritos confirmam: Lula sabia de tudo".
Alguém aí quer hacer una apuesta?

 

 

Escrito por jncanabarro - duCANA às 16h25
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Perfil



Meu perfil
BRASIL, Sul, SANTANA DO LIVRAMENTO, ARMOUR, Homem, de 56 a 65 anos, Portuguese, Spanish, Arte e cultura, Política

Histórico